Além de São Luís, há presença de venezuelanos nos municípios de Pinheiro, Imperatriz, Açailândia, Balsas, Estreito, Santa Inês e Bom Jardim.

Grupo de venezuelanos viajou por vários estados até chegar ao Maranhão e que sonham com uma vida melhor Reprodução/TV Mirante Atualmente 30 pedidos de refúgio de venezuelanos aguardam resposta no Maranhão, segundo dados da Defensoria Pública da União (DPU).

O número equivale a 11% do total de imigrantes do país que estão registrados no estado. Além de São Luís, há presença de venezuelanos nos municípios de Pinheiro, Imperatriz, Açailândia, Balsas, Estreito, Santa Inês e Bom Jardim.

De acordo, também, com a DPU o pedido de refúgio de parte dos venezuelanos no estado maranhense é formalizado na Polícia Federal que, por sua vez, envia o documento ao Ministério da Justiça que libera ou não a presença dos imigrantes. O registro do pedido também é feito no Conselho Nacional de Refugiados (Conare), por meio de um sistema disponível no seu endereço eletrônico.